Dicas de como cuidar do seu carro no frio

0
439
Imagem: Divulgação

Já estamos na estação mais fria do ano e, assim como a pele, cabelos e até mesmo a nossa saúde, os carros também precisam de atenção especial durante o inverno. Se não tomarmos as atitudes corretas, lidar com o carro no frio pode dar dor de cabeça. Componentes como bateria, ar condicionado, pneus e outros devem ser checados com frequência para que o seu carango não te coloque de vez em uma fria.

Veja 5 dicas básicas de cuidados com o carro no frio:

Combustível

A maioria dos carros Flex vem com o conhecido tanquinho de partida a frio – é um reservatório gasolina destinado a auxiliar no momento de partida do veículo. Normalmente, ele é acionado em temperaturas abaixo de 15º.

Abastecido com etanol, o carro no frio corre o risco de não “pegar” em dias com temperaturas baixas. Por isso, a dica aqui é sempre checar o tanquinho para certificar-se de que a gasolina não está velha, pois assim ela perde o seu poder de queima e não consegue auxiliar o motor no momento de partida.

Bateria

A bateria já está acostumada a levar a culpa sempre que não conseguimos ligar o automóvel. Com o carro no frio, a chance de ela realmente ser a culpada não é baixa.

Nas temperaturas baixas, a bateria é mais exigida pelo motor, devido a maior viscosidade do óleo e à menor dilatação.Caso o carro não pegue, a dica é esperar cerca de 30 segundos, para não encharcar as velas da ignição, e tentar novamente.

Assim que notar alguma dificuldade, tente realizar o teste da vida útil da bateria. O serviço é prestado em oficinas e leva pouco tempo. Já a troca da bateria deve ocorrer pelo menos a cada dois anos.

Ar- condicionado no frio?

Sim! Parece pouco provável, mas é super importante que você ligue o ar-condicionado mesmo com o carro no frio. A prática deve acontecer pelo menos de 15 a 20 minutos por semana – e você não vai se congelar por isso! Isso evita a proliferação de bactérias e faz com que todos os componentes do sistema permaneçam lubrificados, reduzindo assim o risco de rachaduras e vazamentos nas mangueiras, nos vedadores e nos selos de borracha.

Pneus

Se os pneus não estiverem com a calibragem correta podem ser mais facilmente danificados durante o inverno. O ar frio é mais denso e, por isso, o ar dentro dos pneus também condensam, o que faz reduzir sua pressão. Isso pode causar um aumento no atrito entre pneu e rua, aumentando o consumo do veículo, bem como o desgaste.

Faça a calibragem, de acordo com as especificações técnicas do seu carro, pelo menos uma vez por semana. Faça também com os pneus frios.

Aditivos e óleos

Os aditivos e os óleos têm a função de evitar a corrosão de várias partes do sistema de arrefecimento. Com o carro no frio, é indicado que o motorista use um óleo lubrificante menos viscoso, pois ele facilita a lubrificação nos instantes iniciais da partida no motor. Para saber qual óleo é ideal, consulte o manual do seu carro.

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo UsadosBR no:

Facebook (facebook.com/usadosbr)
Instagram (instagram.com/usadosbr)
YouTube (youtube.com/usadosbr)

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY