Renault Kwid fica até R$ 1.100 mais caro

0
379
Imagem: Divulgação

Novembro mal começou e o Renault Kwid ficou mais caro. O modelo que foi o segundo carro mais vendido do País ao somar 10.359 unidades emplacadas em setembro e que despencou para a 17º colocação com 3.926 exemplares negociados em outubro, sofreu o primeiro reajuste em sua tabela de preços que vai até R$ 1.100.

A única versão que escapou do aumento foi o básico Kwid Life, que continuará sendo vendida por R$ 29.990. Já a versão intermediária Zen+rádio foi a que recebeu o maior aumento subindo de R$ 35.390 para R$ 36.490 (aumento de R$ 1.100). Esta versão tem ar-condicionado, direção elétrica e vidros dianteiros elétricos, além, claro, do rádio com Bluetooth.

A versão topo de linha Intense teve uma alta de R$ 500, elevando o valor de R$ 39.990 para R$ 40.490. Seu pacote de equipamentos soma central multimídia MediaNav, conta-giros, faróis de neblina, retrovisores e maçanetas na cor da carroceria, computador de bordo e apoio de cabeça central no banco traseiro.

Todas as variantes do Kwid trazem sob o capô o motor SCe 1.0 de três cilindros que entrega 70 cv de potência e 9,8 kgfm de torque, combinado ao câmbio manual de cinco marchas.

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo UsadosBR no:

Facebook (facebook.com/usadosbr)
Instagram (instagram.com/usadosbr)
YouTube (youtube.com/usadosbr)

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY